Blog

Universitário

Capa do blog: Aluna-prodígio de Harvard e Yale, Sophia Chua-Rubenfield, dá 10 dicas para ser mais eficiente nos estudos

Aluna-prodígio de Harvard e Yale, Sophia Chua-Rubenfield, dá 10 dicas para ser mais eficiente nos estudos

Filha da escritora e professora, Sophia aprendeu desde criança a estudar de maneira eficiente e recentemente tornou-se doutora em direito


Se perguntássemos a cada estudante de uma universidade renomada sobre sua rotina específica de estudos, é bem provável que as respostas entre eles tivessem vários pontos em comum. Mas, e se reuníssemos as dicas de uma só aluna que, além de ser pós-graduada em Harvard e Yale, foi criada para ter o maior sucesso acadêmico possível? A menina-prodígio em questão é Sophia Chua-Rubenfield!

A jovem, que recentemente se tornou doutora em direito, é filha da escritora Amy Chua, também conhecida como “a Mãe Tigre” graças ao método de criação de tigres que estimula as crianças a serem notáveis. Por mais que a autora seja considerada por muitos um exemplo de extremismo, não dá para negar que, de anseios acadêmicos, ela entende – afinal, além de escritora, a mãe de Sophia é também professora de direito de Yale.

Em seu blog pessoal, a jovem compartilhou várias dicas para otimizar os estudos. E tem uma frase que é o fio condutor de como ela encara a própria aprendizagem: “estude menos, mas estude melhor”. Apesar da criação extremamente disciplinada, uma coisa é certa: qualquer um pode seguir as recomendações da ex-aluna de Harvard e Yale. Confira!

Principais dicas de Sophia Chua-Rubenfeld para ser eficiente nos estudos

#1 Faça anotações à mão. É uma ótima forma de gravar o conteúdo na memória;

#2 Saia da biblioteca. Isso mesmo! O simples fato de estar em uma não o enche de conhecimento;

#3 Deixe seus amigos confiscarem seu telefone quando notarem que você está se distraindo demais;

#4 Pare de grifar textos. Sublinhar trechos dá a sensação de que você está focado, mas pode te levar a entrar no “piloto automático”. É mais produtivo escrever anotações nas margens das páginas;

#5 Seja um leitor inteligente, não um robô. Questione os interesses e argumentos do autor. Escolha exemplos e anedotas e memorize-os;

#6 Não leia tudo, mas dedique-se a entender tudo o que ler. É melhor ter compreensão profunda de uma quantidade limitada de material, do que o entendimento vago de um curso inteiro;

#7 Se você não entender, com certeza cairá no teste! Solução: faça pesquisas em livros didáticos e na internet;

#8 Embora a memorização seja freqüentemente desprezada, é necessário, sim, aprender fórmulas, nomes e datas. Para memorizar com eficácia, revise em voz alta e escreva;

#9 Peça também a seus amigos que te ouçam atentamente enquanto você explica a eles um conceito difícil. Isso vai ajudar a melhorar sua própria compreensão sobre determinado tema;

#10  Para conseguir ir direto ao ponto, o ideal é tentar descobrir onde cada conceito se encaixa em um todo. Se você aprender um milhão de fatos, mas não souber onde eles se encaixam, não fará sentido;

Fonte: Estudar Fora

Imagem: Reprodução/The Harvard Crimson 

#estudos #dicas #harvard #sophia #chua-rubenfeld #chua #amy  #estudar #vestibular #provas

arrow_back_ios Voltar para Universitário